WiFiO Wi-Fi público é uma maneira conveniente para ficar online sem usar seu plano de dados. Anteriormente difíceis de encontrar, ele atualmente está em todos os lugares necessários.

Seja viajando, dentro de hotéis ou relaxando em cafeterias, você pode encontrar uma conexão pública para ficar online. Embora elas sejam úteis e fáceis de usar, você deve ficar atento às suas implicações de segurança.

Hacker

Confira abaixo dez riscos ao usar conexões Wi-Fi públicas.

1 Ataques man-in-the-middle

A ameaça mais comum é conhecida como ataque man-in-the-middle (MitM). Quando seu dispositivo se conecta a um Wi-Fi público comprometido, vulnerabilidades na conexão facilitam a interceptação de dados por terceiros. Sua privacidade e informações pessoais podem ficar sob risco.

2 Malware

Devido à vulnerabilidade do software, é fácil para que um malware seja enviado aos seus dispositivos através de uma conexão Wi-Fi pública.

3 Redes não criptografadas

A criptografia é essencial para proteger seus dados e sua privacidade online, principalmente em uma conexão pública. A maioria dos roteadores não vem com a criptografia ativada de fábrica; portanto, é preciso ativá-la. Ainda assim, você não poderá garantir que as redes de terceiros estejam configuradas adequadamente. A maioria das conexões públicas não exige senha WPA ou WPA2, o que não é seguro.

4 Snooping e sniffing

Kits de software ou dispositivos que permitem interceptar conexões Wi-Fi locais são fáceis de ser adquiridos. Os invasores podem usá-los para acessar suas atividades online, e é possível visualizar páginas web inteiras com o objetivo de capturar suas informações pessoais. Assim que os invasores obtiverem essas informações, nada poderá impedir que eles controlem suas contas.

5 Hotspots maliciosos

Hotspots falsos criados por pessoas com más intenções fazem você acreditar que eles são conexões genuínas e viáveis. Ao se conectar com um hotspot falso, você corre o risco de ter suas informações pessoais roubadas.

6 Ataque “evil twins”

Assim como um hotspot malicioso, os “evil twins” parecem ser uma conexão de rede legítima. Em vez disso, eles clonam um hotspot de sua confiança e criam outro idêntico. Assim que você estabelecer a conexão, ele envia todas as suas informações para quem o criou.

7 Wi-Fi com configuração inadequada

Além da falta de segurança de uma rede pública, você pode ficar sob risco devido à falta de conhecimento durante a instalação. Pequenos empresários podem não entender de segurança na internet e configurar suas redes com credenciais padrão para usuário e senha. A configuração de segurança inadequada permite que qualquer pessoa acesse o sistema.

8 Analisadores de pacotes

“Sniffers” de pacotes são pequenos programas que monitoram o tráfego em uma rede. Caso usados da forma prevista, eles coletam dados sobre tráfego. Por outro lado, eles podem ser usados como uma brecha (loophole) para visualizar suas informações.

9 Ad Hocs

Ad hocs consistem em redes P2P que conectam dispositivos e são executados no mesmo canal de uma conexão wireless. Quando você configura seu dispositivo para pesquisar novas redes, terceiros podem estabelecer a conexão ad hoc e obter acesso ao seu sistema. E o pior: você nem precisa permitir a conexão, pois apenas uma ponta é necessária para estabelecer o link.

10 Worms

Worms agem como vírus de computador, mas são mais destrutivos. Em vez de se incorporar diretamente ao seu dispositivo, eles se propagam sobre uma rede inteira. Assim que seu dispositivo recebe o worm, você poderá continuar transmitindo-o através da sua rede residencial ao restabelecer a conexão.

Proteja-se em um Wi-Fi público

  • Jamais divulgue quaisquer informações pessoais
    Se você se conectar a uma rede pública, lembre-se de que qualquer pessoa pode estar observando. Evite exibir seus nomes de usuário e senhas ou informações identificáveis. É essencial que você não acesse sua conta bancária, endereço residencial, números de seguridade social, etc
  • Use uma VPN
    Não podemos recomendar esta medida o bastante. A rede virtual privada (VPN) protege você porque cria uma conexão segura e criptografa seus dados.. NordVPN internet no borders As melhores VPNs, como ExpressVPN , NordVPN , e CyberGhost , são pagas, mas valem cada centavo para manter sua identidade protegida.
  • Use conexões SSL
    Para adicionar outra camada de criptografia durante sua navegação, habilite a opção “Sempre usar HTTPS” para seus sites visitados frequentemente, principalmente se for preciso inserir credenciais.

Aumente seu plano de dados

Se a falta de dados for o motivo para você usar hotspots Wi-Fi, chegou a hora de aumentar seu plano. Os dispositivos móveis também estão sob risco, sendo que o sistema Android é o mais vulnerável. Idealmente, faça uso de um plano de dados ilimitados juntamente com uma conexão VPN segura.

Mobile WiFi

Dicas para usar conexões Wi-Fi públicas

O QUE FAZER:

  • Desativar o compartilhamento de dados
  • Desligar seu Bluetooth e Wi-Fi quando não estiverem em uso
  • Acessar sites que usem apenas HTTPS
  • Desconecte de suas contas

O QUE NÃO FAZER:

  • Conectar-se automaticamente às redes
  • Fazer login em uma conta que exija informações confidenciais
  • Conectar-se a uma rede sem uma senha

Mesmo com as devidas precauções, você ainda estará sob risco. Os cibercrimes são prevalecentes em nossa era digital, e é fundamental que mantenhamos uma segurança rigorosa e boas práticas.

Investir em um serviço de VPN de alta qualidade deve ser considerado no seu orçamento, pois o valor de proteger seus dados online é inestimável.

Classificação
Provider name
Our score
Preço
Top Choice
1.
Top Choice
NordVPN
$2.99 / month
Economize 75%
Top Choice
2.
Top Choice
ExpressVPN
$6.67 / month
Economize 48%
Top Choice
3.
Top Choice
CyberGhost VPN
$2.75 / month
Economize 77%
Top Choice
4.
Top Choice
Surfshark
$1.99 / month
Economize 83%
Top Choice
5.
Top Choice
PrivateVPN
$1.89 / month
Economize 73%