Aviso legal:
Nossas análises

O Wizcase engloba análises escritas por nossos avaliadores da comunidade, baseadas na análise independente e profissional dos produtos pelos avaliadores.

Propriedade

A Kape Technologies PLC, controladora do Wizcase, detém as marcas ExpressVPN, CyberGhost, ZenMate, Private Internet Access e Intego, que podem ser analisadas neste site.

Taxas por indicação

Wizcase contém análises que foram escritas por nossos especialistas e seguem rígidos padrões de revisão, incluindo padrões éticos, que adotamos. Esses padrões exigem que cada análise seja baseada em uma inspeção independente, honesta e profissional do revisor. Dito isto, podemos ganhar uma comissão quando um usuário conclui uma ação usando nossos links. Isso, no entanto, não afetará a avaliação, mas poderá afetar as classificações. As classificações são determinadas com base na satisfação do cliente de vendas anteriores e da compensação recebida.

Padrões de análise

As avaliações publicadas no Wizcase são escritas por especialistas que examinam os produtos de acordo com nossos rigorosos padrões de avaliação. Tais padrões garantem que cada avaliação seja baseada na análise independente, profissional e honesta do avaliador, e leva em consideração as capacidades técnicas e qualidades do produto, juntamente com seu valor comercial aos usuários. Os rankings que publicamos podem levar em consideração as comissões de afiliados que recebemos por aquisições efetuadas através de links em nosso site.

Melhores aplicativos de controle parental (iPhone e iPad) 2022

Eric Ribeiro
Última atualização por Eric Ribeiro em Dezembro 01, 2022

Testei mais de 30 programas de controle parental e fiquei surpreso ao ver que muitos tinham pouco ou nenhum benefício a oferecer em iPhones e iPads.

Alguns dos problemas comuns que encontrei podem ser atribuídos às regulamentações do iOS, enquanto outros são puramente culpa do programa. Os problemas mais comuns incluem:

  • Sem filtro da web no Safari
  • Ferramentas de gerenciamento de tempo ruins
  • Não foi possível bloquear aplicativos
  • Travamentos constantes
  • Lentidão no iPhone ou iPad

Só consegui encontrar alguns aplicativos de controle parental para iOS que funcionaram bem. Você encontrará os 5 melhores aplicativos que passaram pelos testes e tiveram o melhor desempenho na lista abaixo. Se você quer uma resposta rápida, o Qustodio teve o melhor desempenho entre todos os outros aplicativos durante os meus testes. Ele tem um filtro para Web abrangente, ferramentas variadas para gerenciamento do tempo de tela e geolocalização em tempo real. Há, inclusive, a possibilidade de obter uma avaliação gratuita de 30 dias – sem necessidade de cartão de crédito.

Guia rápido: resumo dos melhores aplicativos de controle parental para iOS em 2022

  1. Qustodio ‒ O melhor aplicativo de controle parental para iOS, com ótimos recursos para limitar o tempo de uso e filtrar a Web.
  2. Bark ‒ Ótimo para monitorar redes sociais, mas não oferece alertas de localização em tempo real.
  3. Mobicip ‒ Recursos variados para controlar o tempo de tela, filtro abrangente para navegação online e bloqueio de aplicativos.
  4. Norton Family ‒ Filtro de conteúdo online personalizável e limites para o tempo de tela, mas com monitoramento das redes sociais limitado.
  5. Net Nanny: excelente filtro de internet, mas o recurso de monitoramento do YouTube não funciona bem.

Monitore os dispositivos das crianças com o Qustodio!

Os 5 melhores aplicativos de controle parental para iPhone e iPad em 2022

1. Qustodio – o programa de controle parental mais completo para iOS

Características principais

O Qustodio conseguiu monitorar o iPhone do meu filho, algo que a maioria dos outros aplicativos de monitoramento falharam. Para começar, o filtro da web é compatível com Safari (e Chrome). Também me dá a flexibilidade de escolher a sensibilidade do filtro com base na idade das crianças, em vez de ter um filtro padrão para toda a família.

Quando estava testando o Qustodio, gostei das ferramentas de gerenciamento de tempo, que me permitiram definir um limite de tempo diário e definir um calendário diário de quando os dispositivos estão bloqueados. O único problema que tenho com a opção de calendário é que você só pode bloquear o tempo em segmentos de blocos de 1 hora, o que não se encaixa com a programação em nossa casa.

Há 2 opções diferentes para bloquear dispositivos iOS:

  1. Bloqueio de dispositivo: qualquer aplicativo com uma classificação etária superior a 4 anos ou mais da App Store fica indisponível quando o dispositivo está bloqueado.
  2. Bloqueio de navegação: bloqueia o acesso do Safari e do Chrome à internet. Eu gostei da tela de bloqueio que informava às crianças quando poderiam ficar online novamente para que não precisassem ficar me perguntando quando poderia desbloqueá-la.

Fiquei satisfeito com o fato de o Qustodio funcionar em várias plataformas, então pude acessar o painel principal em meu telefone Android e PC, e monitorar o iPhone e o iPad em casa. O painel é fácil de usar e permite ver rapidamente todas as atividades e alertas da família.

O Qustodio tem 3 planos de assinatura que incluem todos os recursos e uma garantia de reembolso de 30 dias. Testei a garantia de reembolso e recebi um reembolso total depois de usá-lo por pouco menos de um mês. Encontrei um ótimo preço nesta página oculta de ofertas e obtive o “Small Plan”, que funciona em até 5 dispositivos.

Monitore iPhones e iPads com o Qustodio

2. Bark – Melhor para monitorar contas de mídia social

Características principais

  • Monitora mais de 25 redes de mídia social
  • Envia alertas detalhados para o painel principal
  • Reconhece gírias, emojis e palavras-chave para agir
  • Experimente por 7 dias grátis

Com uma atualização recente, que adicionou um filtro da web e gerenciamento de tempo de tela para iPhones e iPads, o Bark rapidamente se tornou um dos meus aplicativos favoritos de controle parental.

O Bark encontrou uma maneira única de contornar as rígidas diretrizes de monitoramento da Apple. O aplicativo registra tudo o que seu filho faz em seu dispositivo iOS, e então, a cada 6 horas, ele irá carregar um backup para o aplicativo Bark para Windows ou Bark para Mac, desde que você esteja na mesma rede wi-fi. Assim que o upload é concluído, o Bark verifica os dados do dia e envia um alerta ou aviso se detectar algo que considere impróprio. Embora você não obtenha as informações em tempo real, ainda achei que era uma boa solução alternativa.

Consegui conectar o Bark a mais de 30 aplicativos de rede social no iOS. Ele verifica todo o conteúdo e envia alertas quando encontra postagens, mensagens, comentários ou vídeos que acionam seu sensor.

O Bark se conecta diretamente à conta de cada rede social. Isso é extremamente útil, pois o aplicativo pode enviar alertas de conversas potencialmente perigosas ou inadequadas mesmo que a criança tenha feito login no celular ou computador de um amigo.

O filtro da web possui 19 categorias que englobam questões saúde infantil, como depressão, distúrbios alimentares, cyberbullying, álcool, drogas, violência e outras. O filtro emprega IA para interpretar conteúdo, além de contar com uma extensa lista de palavras-chave e frases, incluindo gírias, que acionam um alerta.

O Bark oferece dois planos: Bark Jr. e Bark Premium. O plano Júnior inclui ferramentas para controle do tempo de tela, filtros para Web e opções de check-in para as crianças confirmarem sua localização. Além desses recursos, o Premium também inclui ferramentas para monitorar as redes sociais. Eu recomendo começar com o Bark Premium, que inclui um período de 7 dias de avaliação gratuita ‒ tempo suficiente para decidir se realmente precisa dos recursos premium ou se o plano Bark Jr. está de bom tamanho para suas necessidades. De qualquer forma, você pode testá-lo 100% de graça, sem precisar informar os dados do cartão de crédito.

Testar Bark 7 dias de graça!

3. Mobicip ― Limite o tempo de tela e uso de aplicativos, e personalize um filtro de conteúdo online

  • Crie uma programação personalizada do tempo de tela para cada criança
  • Monitoramento das redes sociais Facebook e Instagram
  • Trabalha em segundo plano, sem acabar com a bateria do iOS

O Mobicip atualizou seu aplicativo iOS para iPhone e iPad, e eu fiquei bastante impressionado com os novos e aprimorados recursos.

Ele me dá total controle sobre como e quando meus filhos podem usar seus iPhones. Eu uso o recurso do tempo de tela para criar uma programação com base na rotina deles do dia a dia. O celular fica bloqueado na hora de dormir, jantar, e quando eu quero que eles se concentrem na lição de casa. Ele ainda tem uma configuração para escola, para acesso a conteúdo considerado seguro durante os estudos. Uma das ótimas opções incluídas na atualização mais recente é o “modo férias” ‒ agora eu posso temporariamente desativar as restrições sem ter que recriar e configurar tudo do zero.

Achei bacana que mesmo quando as crianças podiam usar seus celulares, eu ainda tinha controle sobre como elas os usavam. Um dos novos recursos que eu curti é o App Limits: ele divide todos os aplicativos do celular em três categorias ‒ redes sociais, jogos e entretenimento ‒ e me deixa definir um limite de tempo para cada uma delas. Além das categorias, eu posso bloquear apps específicos, impedindo o seu uso ou download do iTunes.

As ferramentas para monitoramento das redes sociais conectaram o Mobicip com as contas do Facebook e Instagram da criançada. Suas atualizações e comentários são exibidos no painel de controle dos pais, assim eu posso ver com quem eles estão interagindo, o tipo de foto que postam, os grupos que entram e com quem falam.

O painel dos pais é o sistema nervoso do Mobicip. Nele eu posso ver todas as atividades do iPhone e iPad, ajustar as restrições de tempo e apps, rastrear a localização das crianças em tempo real e definir uma ‘barreira virtual geográfica’ para eu ser alertado se entrarem em alguma área restrita.

Depois de criar uma conta, eu baixei o aplicativo do iTunes e o conectei à minha conta. As crianças podem ver o app nos seus iPads e iPhones, então elas sabem quanto tempo de tela já usaram, quanto ainda têm sobrando, e também podem pedir mais tempo. Desinstalar ou desativar o aplicativo só é possível com a minha senha.

Agora o Mobicip oferece 7 dias de avaliação gratuita, então eu aproveitei esse tempo para testar todos os seus recursos sem nenhum compromisso. Mas fiquei um pouco decepcionado por não ter como cancelar o período de testes nas configurações da minha conta. Em vez disso, eu tive que me lembrar de enviar um e-mail para o atendimento ao cliente dentro do prazo, solicitando o cancelamento.

Testar Mobicip 7 Dias de Graça!

4. Norton Family – contorna as restrições do iOS para definir filtros da web e ferramentas de gerenciamento de tempo da tela

NortonFamily

Características principais

  • Filtro personalizável para a internet
  • Recurso School Time (tempo escolar) evita distrações
  • Instala uma VPN para contornar as restrições de monitoramento do iOS

O Norton Family é um dos poucos aplicativos de controle parental que funcionam bem com dispositivos iOS e é mais transparente do que qualquer outro aplicativo de monitoramento de iOS que testei. Ele compila uma lista de “regras da casa” que permite que meus filhos saibam exatamente o que o aplicativo está monitorando, que tipos de sites eles podem acessar e quais estão bloqueados, e quanto tempo eles podem passar em seus dispositivos Apple.

Gosto da flexibilidade das ferramentas de gerenciamento de tempo de tela do Norton Family. Isso me permite definir uma programação diária para quando as crianças podem ficar online e um limite de tempo para evitar que fiquem em seus iPhones ou iPads o dia todo. Seria uma grande melhoria se o Norton Family adicionasse um limite de tempo para cada aplicativo, mas por enquanto, isso não é uma opção.

O Norton Family tem um filtro da web abrangente que limita ou restringe sites com base em 47 categorias. Pude escolher quais categorias bloquear para cada um dos meus filhos e definir o nível de monitoramento para cada uma.

O recurso School Time pode ser ativado quando as crianças estão em aprendizado remoto ou fazendo lição de casa. Consegui adicionar sites específicos que meus filhos precisam acessar durante o aprendizado remoto ou para a lição de casa, e todo o resto foi bloqueado. O tempo gasto com os trabalhos escolares não conta para o limite diário. Assim, sei que as crianças estão focadas nos estudos e não apenas em brincar no iPhone ou iPad.

Encontrei uma página oficial oculta que oferece um teste grátis de 30 dias, algo que prefiro em comparação com a garantia de reembolso – que preciso fornecer as informações do meu cartão de crédito e lembrar de cancelar. Na página, criei uma conta sem inserir nenhuma informação de cartão de crédito ou PayPal, e tive acesso ilimitado, com todos os recursos grátis, por 30 dias.

Se você não estiver satisfeito com as ferramentas de monitoramento e supervisão que o Norton Family oferece para dispositivos iOS, deixe a avaliação grátis expirar e sua conta será rebaixada para uma conta grátis limitada automaticamente.

Teste o Norton Family para iOS grátis

5. Net Nanny – Filtro abrangente da web que entende o contexto

Características principais

  • Defina limites de tempo de tela
  • Rastreamento GPS
  • Monitoramento de YouTube
  • Forçar Google SafeSearch

O Net Nanny é um dos melhores programas de controle parental que testei para iPhones e iPads. Isso facilitou o gerenciamento do tempo de tela de meus filhos. Ele oferece duas opções: definir um limite diário ou um horário, o que divide o dia em segmentos de 15 minutos. Não há opção de colocar um limite de tempo para cada aplicativo devido às diretrizes da Apple.

O filtro da web, que funciona com o Safari, possui 15 categorias personalizáveis. Não só isso, mas também fui capaz de criar meus próprios filtros adicionando palavras ou frases que eu queria que o Net Nanny detectasse e me alertasse quando detectados. Também existe a opção de permitir ou bloquear sites específicos ou aplicativos, o que pode ajudar a evitar que seus filhos os usem, mesmo que o filtro geral não os bloqueie.

O aplicativo para o dispositivo dos pais do Net Nanny, que oferece a possibilidade de baixar no Android e monitorar os dispositivos iOS das crianças, traz um Family Feed (atualizações da família) que fornece atualizações em tempo real sobre as atividades de todas as crianças. Isso tornou mais fácil ver quais aplicativos meus filhos estavam usando, o que estavam pesquisando no Google e se disparavam algum alerta.

O recurso de monitoramento do YouTube precisa ser melhorado para oferecer algum benefício real. Muitos dos vídeos que meus filhos assistiram no iPad não apareceram na linha do tempo do Family Feed. No entanto, reforça o controle parental do YouTube, que bloqueia pesquisas e vídeos inadequados.

Eu assinei o plano Net Nanny, que inclui 5 dispositivos para que eu pudesse testá-lo em vários dispositivos, e aproveitei esta grande oferta com garantia de reembolso de 14 dias.

Monitore o iOS das crianças com o Net Nanny

Como testei e classifiquei os melhores aplicativos de controle parental para iOS

Testei mais de 50 aplicativos de controle parental; e tenho padrões muito altos quando se trata de manter meus filhos seguros na internet.

Aqui está o que eu exijo de um aplicativo de controle parental antes de recomendá-lo:

  • Os filtros funcionam e meus filhos conseguem burlá-los? Um dos problemas mais significativos que os aplicativos de controle parental têm com as novas regras é funcionar no Safari ou apresentar uma opção alternativa para aplicar os filtros da web. Muitos aplicativos tentaram forçar o download de seus navegadores de internet – geralmente eram mal projetados, lentos e não havia como impedir que meus filhos voltassem para o Safari. Felizmente, encontrei vários programas que funcionam com o Safari ou têm bons navegadores alternativos, que meus filhos não se importaram de usar.
  • Ferramentas de gerenciamento de tempo: com a dependência do tempo de tela sendo um grande problema, era essencial encontrar um aplicativo com agendamento flexível e opções de limite diário. Foi um pouco mais difícil de encontrar em dispositivos iOS do que em Android, pois a Apple não quer dar aos aplicativos o poder de bloquear um iPhone ou iPad. Dito isso, alguns aplicativos podem bloquear parcialmente os dispositivos iOS, o que ajudou na classificação.
  • Facilidade de uso: eu não queria nenhum aplicativo que exigisse jailbreak ou hack do iPhone e iPad. Idealmente, encontrei todos os aplicativos na App Store e o download foi fácil. Eu estava procurando um programa fácil para alguém que não é usuário do iOS, como eu, instalar e gerenciar. Pontos extras foram dados para aplicativos que funcionavam com várias plataformas para que eu pudesse baixar o aplicativo principal em meus dispositivos Android e Windows e gerenciar o painel a partir daí.
  • Suporte ao cliente: tinha muitas dúvidas para as equipes de suporte ao cliente, principalmente sobre se um recurso que estava listado no site funciona no iPhone ou não. Fiquei surpreso que várias vezes tive que esperar mais de uma semana por uma resposta a um tíquete; obviamente, isso prejudicou sua classificação.

Perguntas frequentes

Há aplicativos de controle parental grátis para iOS?

Embora existam aplicativos grátis de controle parental, não recomendo usá-los. Na maioria das vezes, esses aplicativos apenas anunciam um aplicativo grátis, mas fornecem apenas ferramentas básicas de monitoramento gratuitamente. Se você quiser a versão completa, terá que pagar de qualquer maneira. Se eu visse um programa totalmente grátis, sem pacote premium, teria que me perguntar por que uma empresa ofereceria seu serviço gratuitamente. A resposta geralmente era: ou eles compartilhavam os dados coletados, ou tinham anúncios que seriam exibidos no aplicativo principal – o que eu acho irritante.

Se você quer usar um aplicativo de controle parental de graça, recomendo baixar um app premium e aproveitar as vantagens da sua garantia de reembolso. O melhor que eu já testei, com garantia da devolução do pagamento comprovada, é o Qustodio. Você terá acesso a todos os recursos premium, e 30 dias é tempo suficiente para ter uma boa ideia de como seus filhos estão usando seus iPhones e iPads, e quanto tempo passam em cada app todos os dias.

Por que a Apple impôs restrições aos aplicativos de controle parental?

De acordo com a Apple, eles estavam protegendo a privacidade de seus usuários contra aplicativos intrusivos. Antes das novas regras, os principais programas de controle parental usavam aplicativos de gerenciamento de dispositivo móvel (MDM) para controlar seus dados para terceiros. A Apple viu isso como uma violação de privacidade e fez com que as empresas removessem ou fizessem ajustes no MDM.

No entanto, há especulações de que a Apple estava apenas se livrando da concorrência, então as pessoas teriam que usar seus controles parentais integrados. Infelizmente, o Screen Time da Apple tem uma lista de pontos fracos, e a maioria das crianças pode facilmente passar por suas restrições. Portanto, é recomendável optar por um dos aplicativos desta lista, que comprovadamente funcionam em iPads e iPhones.

Se iPhones e iPads têm controles parentais integrados, por que preciso comprar um aplicativo de controle parental?

Apesar de toda a sua grandeza, a Apple não está no negócio de controle parental. Claro, eles têm algumas ferramentas básicas de gerenciamento de tempo, mas não são nada em comparação com o Qustodio ou outros programas líderes de controle parental.

Usar um aplicativo de controle parental não é apenas uma boa maneira de dizer que está espionando seus filhos?

Acho que há uma diferença significativa entre espionar e monitorar seus filhos. Como pais, é nosso trabalho proteger nossos filhos, o que se tornou ainda mais complicado porque eles têm acesso ilimitado à Internet 24/7. Eles são suscetíveis ao cyberbullying, podem aprender sobre sexo, drogas, álcool, armas e praticamente qualquer outra coisa em um ambiente não controlado.

Existem aplicativos de espionagem, que podem ser baixados para o iPhone ou iPad de uma criança sem seu conhecimento através do iCloud e monitorar tudo o que acontece no telefone. Eu não me sentiria confortável usando essa tecnologia de espionagem, a menos que sentisse que meus filhos estivessem em perigo ou poderiam se tornar um perigo para eles mesmos.

Conclusão

Ninguém conhece seus filhos como seus telefones. Eles o usam para pesquisar informações, conversar com seus amigos, jogar, ingressar em grupos e mais. Pode ser apavorante para a maioria dos pais, não importa o quão próximo seja seu relacionamento com seus filhos.

E é uma boa ideia ser aberto com seus filhos sobre por que você está colocando um dispositivo de controle parental em seus iPhones e iPads. Isso pode aumentar a comunicação e deixá-los saber que você não está espionando, mas cuidando deles.

Eu testei mais de 30 aplicativos de controle parental para iPhones e iPads, e o Qustodio foi claramente o melhor. Ele tem filtros para Web abrangentes, ferramentas para gerenciamento do tempo de tela e geolocalização em tempo real. Você pode conduzir os seus próprios testes com toda a segurança, aproveitando a garantia de reembolso de 30 dias. É uma das melhores opções de avaliação gratuita que já vi, tanto em termos de duração quanto pelo fato de não ser necessário informar dados de cartão de crédito para criar uma conta.

Teste o Qustodio por 30 dias sem compomisso!

Aqui estão os melhores aplicativos de controle parental para 2022:

Preferido
Qustodio
$4.58 / mês Economize 60%
Bark
$4.09 / mês Economize 71%
Mobicip
$2.99 / mês Economize 63%
Norton Family
$4.16 / mês
mSpy
$16.65 / mês Economize 76%
Gostou desse artigo? Avalie!
Eu detestei Eu não gostei Achei razoável Muito bom! Eu adorei!
4.55 Votado por 4 usuários
Título
Comentar
Obrigado por seu feedback