Por que você deve ter uma VPN no Windows

Última atualização por Olivia Jones em outubro 07, 2019

Segurança em público

Se você possui um laptop que usa para navegar na internet em locais públicos, é altamente recomendável que você tenha uma VPN. Se conectar ao WiFi de locais públicos como o de um barzinho ou de uma biblioteca pode expor o seu computador a hackers ou a ter as suas informações pessoais roubadas. Digitar senhas, números de cartões e outros dados confidenciais ao estar conectado a um WiFi público pode facilmente comprometê-los.

A não ser, claro, que você esteja usando uma VPN. Mesmo se você estiver conectado a uma conexão wifi perigosa, uma VPN irá fazer todo o possível para manter os seus dados criptografados e impedir que sejam interceptados pelos bandidos. De acordo com uma Avaliação de Negócios da Harvard (em inglês), as conexões wifi públicas e inseguras foram usadas para atingir todo tipo de pessoa, indo dos clientes aleatórios na recepção de um hotel até os executivos e políticos de maior classe. Não deixe que isso aconteça com você.

Ver coisas proibidas que não lhe deixam ver

Vários países ao redor do mundo, como o Egito, a China, e a Arábia Saudita, para falar de alguns, possuem um rígido acesso restrito à internet. Se você mora ou está de viagem em um desses países, vários sites podem estar taxados como proibidos e podem estar inacessíveis, inclusive os maiores sites de mídia social e de notícias. Porém, com o uso de uma VPN, você pode acessar a internet através de um servidor sem restrição alguma próximo ao local onde você está.

E isso não vale apenas para a censura do governo, não. Há escolas e gerentes que vão limitar o acesso ao seu wifi, bloqueando até sites populares (e que lhe distraem muito) como o Facebook e o YouTube. Usando uma VPN de maneira discreta, você pode pular essas restrições, e ainda se certificar de que o seu chefe ou a sua escola não saibam o que você anda fazendo na internet.

Ter acesso completo a serviços de streaming de mídia

Se você possui uma conta na Netflix ou em qualquer outro serviço de streaming de mídia popular, e viajou para fora do seu país, você já deve ter ideia da dor de cabeça que isso causa. Esses serviços possuem contratos de direitos diferentes à sua mídia em cada país, então os filmes e as séries que estão disponíveis no Brasil podem ser completamente diferentes das que estão disponíveis no Canadá, no Reino Unido, no Japão, ou qualquer outra parte do mundo.

Mas não tema! Você pode usar uma VPN para Windows no seu laptop para se livrar dessas restrições. Com a VPN certa, você pode configurar o seu servidor para acessar vários países diferentes, aumentando possivelmente o acesso que você tem sobre as séries que você não podia assistir nem no seu país. Afinal, se você já está pagando pelo serviço de mídia, é melhor receber logo tudo o que ele tem de bom!

Aquela linda privacidade

Essa é mais uma questão de princípios do que de perigo, mas a realidade das coisas é que é bastante fácil para o governo, para uma grande empresa, ou para qualquer outra pessoa que se apodere dos dados do seu provedor de internet tentarem rastrear e registrar a sua vida online inteira. Isso pode não ser uma grande preocupação para uma pessoa comum nos dias de hoje, mas não é de se estranhar que isso possa se tornar um grande problema no futuro – mesmo se você morar em um país livre e democrático como os Estados Unidos ou o Brasil.

Assim que o contratante do governo Edward Snowden liberou na rede um monte de informações sobre a Agência de Segurança Nacional Americana em 2013 (artigo em inglês), ficou claro que o governo tem tanto o poder quanto a ousadia de bisbilhotar sobre o que os cidadãos de todo dia fazem. Se você acredita que as pessoas devem ter livre acesso à internet sem se preocupar com o governo espionando ao seu próprio povo, então vale a pena investir em uma VPN, mesmo se você sozinho não tiver medo de ser espionado pelo governo.

Três VPNs recomendadas para Windows

Há dezenas de opções para as VPNs na internet, e pode ser bem complicado decidir-se qual é a mais ideal. Não sabe por onde começar? Então aqui vão três das melhores VPNs do mercado neste exato momento.

1NordVPN

Além de possuir 3.500 servidores espalhados pelo mundo todo, a NordVPN também não registra nenhum histórico de acesso, garantindo a sua privacidade ainda mais do que a VPN convencional. Como uma empresa, a NordVPN criou a política de continuar a desenvolver e melhorar a segurança do seu serviço, para que você possa ficar atento às atualizações e às melhorias do serviço. Ela possui até alguns recursos criados especialmente para o Netflix, para que você possa desfrutar da melhor reprodução de mídia possível através de uma VPN. A NordVPN também oferece suporte ao cliente 24 horas por dia 7 dias por semana e um período de reembolso de 30 dias caso você não goste do serviço.

Preço: varia de $11,95 dólares por mês a $3,49 dólares por mês no plano de 3 anos adiantados.

Recursos: mais de 3.500 servidores no mundo todo, o recurso de “VPN dupla” para ter mais camadas de encriptação, não registra históricos de acesso, pode se conectar a até 6 dispositivos diferentes de uma vez só, período de reembolso de 30 dias.

Baixe agora

2ExpressVPN

Como o nome ‘expresso’ já diz, o ponto forte da ExpressVPN é a sua velocidade. Baseado nas Ilhas Virgens Britânicas, você pode contar com a velocidade de navegação mais rápida possível ao se conectar a essa VPN. Sem opções de configuração avançada, a ExpressVPN oferece uma interface limpa e simples de ser usada com uma velocidade extremamente rápida. Ela também oferece suporte ao cliente 24 horas por dia 7 dias por semana e um período de reembolso de 30 dias.

Preço: varia de $12,95 dólares por mês a $6,67 dólares por mês se pagar adiantado por 15 meses.

Recursos: mais de 2.000 servidores em quase 100 países, otimizada para ter mais velocidade, limite de tráfego ilimitado, facilidade de uso, “chave de proteção” para quando você se desconectar da VPN, possui uma política de não registrar históricos de acesso e um período de reembolso de 30 dias.

Experimente agora sem riscos

3Private VPN

É outra dessas onde o nome já diz tudo, nesse caso, ‘privacidade’. Se você está mais preocupado com a sua privacidade do que com qualquer coisa, então talvez esse serviço da Suécia seja o que você está procurando, o Private VPN. Embora tenha um número menor de servidores que as outras VPNs, o PrivateVPN oferece algumas das melhores medidas de encriptação disponíveis. A sua velocidade e a reprodução de serviços de streaming de mídia podem pecar, mas em compensação, ele possui uma melhor tecnologia de liberação de portas e de conexão P2P (ponto-a-ponto). Aqueles que buscam a melhor privacidade possível deveriam dar-lhe uma chance; o serviço também possui um período de reembolso de 30 dias se a velocidade estiver lenta demais para o seu gosto.

Preço: varia de $7,67 dólares por mês a $3,88 dólares por mês se pagar adiantado por 13 meses.

Recursos: Mais de 80 servidores em 56 países diferentes, encriptação de calibre militar, não registra históricos de acesso, possui funcionalidade de liberação de portas e de conexão P2P, pode se conectar a até 6 dispositivos de uma vez só e possui um período de reembolso de 30 dias.

Baixe agora

É melhor se prevenir

De forma geral, usar uma VPN é basicamente um outro tipo de seguro. É tão possível assim que você seja espionado por alguma agência do governo, hackeado por algum bandido em um barzinho, ou possa acabar perdendo o acesso ao Twitter? Não precisamente, em nenhum desses casos nos dias de hoje. Mas será que viver esse risco vale a pena?

Você pode aprender mais como se proteger online através do trabalho da Electronic Frontier Foundation, o guia de Defesa Pessoal contra a Espionagem (em inglês).

Olivia Jones
Olivia já escreveu e fez edições de grandes publicações e revistas. Sua posição anterior em uma empresa de segurança cibernética deu a ela a vantagem de desenvolver tendências de segurança online.