Aprimore a confiança e a segurança dos clientes com um site HTTPS

Última atualização por Sarah Barnes em março 12, 2019

Existe uma diferença crucial entre HTTP e HTTPS para a transferência de dados online. O protocolo HTTP é mais vulnerável a ciberataques; um risco para você e quaisquer clientes, caso administre uma página comercial. Contar com o protocolo HTTPS em seu site aprimora sua segurança e seu ranking no Google, além de proporcionar um visual mais profissional e confiável para clientes prospectivos.
https

5 vantagens do  HTTPS

1 Uma camada adicional de segurança

Com o HTTPS, os dados permanecem protegidos entre o navegador e o servidor por meio de SSL. Você possui a criptografia HTTPS se fizer uso de sistemas de gerenciamento de conteúdo como WordPress e Shopify, entre outros.

2 Confiança entre você e seus clientes

Além de tornar seu site mais seguro, o HTTPS aumenta o nível de confiança entre você e seus clientes. Os consumidores estão cada vez mais cientes dos protocolos de segurança online; portanto, quando você passar a usar HTTPS, as pessoas ficarão mais propensas a acessar seu site.

3 Ranking do Google

O Google pode rebaixar o ranking do seu site, caso ele não possua criptografia HTTPS. O Google verifica a autenticidade dos sites ao compará-los com conteúdos semelhantes – se um site possuir HTTP e um concorrente possuir HTTPS, ele sempre favorecerá o concorrente.
Google

Desde 2014, o Google transformou a segurança em prioridade, motivo essencial pelo qual a empresa deseja incorporar o HTTPS em toda a web.

4 Tecnologia mobile

Cada vez mais clientes usam seus dispositivos móveis para fazer compras online de forma conveniente, e os sites devem ser adaptados a esses dispositivos. As AMPs (Accelerated Mobile Pages) do Google são um fator essencial a ser considerado ao otimizar seu site para tablets e smartphones.

O AMP aumenta as velocidades de carregamento em dispositivos móveis, o que melhora o ranking nos resultados de busca – mas ele funciona somente em sites com HTTPS. O AMP é relevante para aplicações web progressivas e navegadores da próxima geração.

5 Impede invasores lícitos

Infelizmente, há diversos perigos que podem ser uma ameaça online. Invasores lícitos, como provedores de internet, serviços de marketing de terceiros e governos, contornam as redes para enviar anúncios segmentados. Hackers podem instalar malware em seu computador e inundar sites com anúncios, o que afeta a experiência do usuário e permite que pessoas não autorizadas obtenham acesso.

Passe a usar HTTPS e evite penalizações

Não é apenas o motor de busca do Google que penaliza sites sem HTTPS. Tanto o Chrome quanto o Firefox alertam os usuários antes de eles inserirem informações pessoais em sites com HTTP.

Além disso, sites sem HTTPS no Chrome não podem acessar recursos como:

  •  Geolocalização
  •  Cache de aplicativos
  •  Movimentação do dispositivo
  •  Orientação do dispositivo

Os desenvolvedores do Chrome planejam exibir a frase “Não seguro” na barra de endereço para todos os sites que não possuírem a criptografia adequada.

Como adicionar uma camada de segurança à sua navegação online

Ciberataques ocorrem com frequência, e as vítimas geralmente não percebem até que seja tarde demais. Embora o HTTPS seja mais seguro, seus dados ainda podem estar em risco, e é fundamental ficar mais vigilante. Para isso, recomendamos que você use um serviço de VPN de qualidade.

Uma VPN redireciona seu tráfego web através de um servidor remoto; esse processo oculta seu endereço IP e criptografa seus dados. Com uma VPN, suas informações pessoais ficam mais bem protegidas.

O que é HTTP

HTTP significa Protocolo de Transferência de Hipertexto e nos permite transferir dados através da internet. Cada conteúdo transmitido entre você e seu servidor é hipertexto; isso inclui textos, fotos, vídeos e sons. Infelizmente, qualquer site somente com HTTP os deixa vulneráveis a diversas ameaças online.

Como o HTTP deixa você vulnerável às ameaças online

Usar o HTTP pode deixá-lo vulnerável a diversos tipos de ameaças online, pois esse tipo de protocolo facilita para usuários não autorizados acessarem dados não criptografados.

hackersHackers obtêm essas informações ao capturar pacotes de dados que podem conter informações confidenciais, como contas e dados bancários online.

Cookies definidos por HTTP

As páginas personalizadas fornecidas a você por um servidor são possíveis devido aos cookies armazenados na ponta do cliente. Ocasionalmente, um script dentro da página usa os dados dos cookies para transportar informações de um site para outro. O HTTP não fornece isolamento por porta, o que significa que, se o cookie for legível e gravável pelo serviço em um deles, o mesmo poderá ser feito no outro. Os problemas surgem porque essas vulnerabilidades podem permitir que invasores obtenham acesso a informações pessoais enquanto você navega pela web.

Floods de lixo e banda abstrata

Existem dois tipos de ataques DDoS de flood com os quais você deve tomar cuidado.

  • Um ataque de flood de lixo pode passar despercebido, pois se parece com tráfego HTTP válido. O invasor abre uma conexão com a porta HTTP e envia dados binários de lixo para inundar filas e buffers internos.
  • Com um ataque de flood de banda abstrata, o servidor envia tráfego para saturar o uplink do servidor e inundar a conexão dele.

Lembre-se sempre de que “s” = segurança

Para a sua segurança e a de seus visitantes, bem como para manter seu site competitivo, é essencial contar com a criptografia HTTPS. O HTTPS sozinho não garante sua segurança online, mas, em conjunto com um serviço de VPN confiável, as camadas adicionais de criptografia garantem que você mantenha suas informações pessoais privadas e sua atividade online anônima.

Sarah Barnes
Sarah é uma escritora de segurança que acredita que as pessoas têm direito a um alto nível de privacidade online. Ela é especializada em gerenciar projetos digitais para pequenas e médias empresas de diversos setores.